» Fama & CelebridadesNEWS

VÍDEO: Presos fazem crochê para se ocupar em SP e peças vão para o SPFW 2018

O sucesso das peças de crochê deixou o preconceito dos presos para trás através do projeto "Ponto Firme".

A penitenciária Adriano Marrey, em Guarulhos (SP), tem usado o crochê como uma ocupação para os detentos.

E o resultado foi parar até nas passarelas do maior evento de moda do país, a São Paulo Fashion Week. O projeto, batizado de Ponto Firme,  tem o curso ministrado pelo estilista Gustavo Silvestre, que ensina crochê aos detentos há dois anos e meio e já formou 120 alunos. Hoje, tem até fila de espera para o curso.

Presos da penitenciária Adriano Marrey fazem crochê para se reabilitar pelo projeto 'Ponto Firme'

Os detentos fizeram 44 figurinos para a São Paulo Fashion Week utilizando fios doados por uma empresa parceira do projeto. Como eles não podem sair da prisão, foi feita uma prévia do desfile dentro da cadeia.

Detentos em São Paulo fazem crochê para o SPFW 2018 pelo projeto 'Ponto Firme'

A cada 12 horas de trabalho e formação realizados durante a detenção, os presos têm o benefício da redução de um dia de pena.

Fantástico

COMENTÁRIOS

Tags
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close